Urbs Magna

Alimentos para perder a barriga

Posted in ALIMENTAÇÃO, SAÚDE, VIVER com QUALIDADE by dibarbosa on 16 de fevereiro de 2015

Isso realmente irá funcionar com você.

barriga tanquinhoA não ser que você seja desse(a)s que acordam à meia-noite para comer o que sobrou daquela deliciosa feijoada acompanhada com uma cervejinha bem geladinha, seu plano de emagrecer e perder a insistente barriga fracassará. Do contrário, isso irá ajudá-lo(a) a eliminar o inchaço de uma maneira saborosa e eficaz. Boa leitura.

Banana é benéfica ao coração e ajuda no emagrecimento, pois a abundância de Potássio alivia o inchaço e ajuda a eliminar o excesso de sódio do organismo. Um pouco mais verde, possui amido resistente, o que acelera o metabolismo.
A Laranja quase não tem calorias, é rica em fibras e proporciona saciedade. Ótima opção para o lanche da tarde ou da manhã.
Abacate é rico em ácido oleico, gorduras monoinsaturadas que são capazes de enganar a fome, ainda contendo fibras e proteínas.
Mirtilo, também conhecido por blueberry, assim como a laranja, quase não tem calorias e tornou-se famoso por seus efeitos antienvelhecimento ajudando na manutenção da sensação de saciedade do organismo.
Pera pode fornecer até 15% da quantidade diária recomendada de fibras, mas é preciso comer a pera com a casca para que todos os nutrientes sejam absorvidos.
Brócolis é ótimo para prevenir o câncer e ajuda na perda de peso. Tem menos calorias que a laranja ou o mirtilo, podendo ser comido cru.
Salmão é rico em ômega 3 e é uma proteína magra, por isso ajuda o organismo a se manter saciado por mais tempo.
Vinho, ah, essa bebida dos deuses… ingerido de forma moderada não altera a cintura como os outros tipos de bebida alcoólica, pois o resveratrol, antioxidante encontrado na casca da uva, impede o armazenamento de gordura.
Chocolate meio amargo, e tão somente este tipo de chocolate – meio amargo – é rico em gorduras monoinsaturadas, saudáveis para queimar gorduras. Um pedacinho do chocolate meio amargo retarda a digestão atrasando, assim, a próxima refeição. Comer depois é comer menos.
Azeite extravirgem, enfim, é uma fonte de gordura boa e retarda a velocidade com que os carboidratos da refeição são digeridos, diminuindo assim a liberação de insulina e evitando novos estoques de gordura, reduz a inflamação nas células e facilita a perda de peso. 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: